BLOG, DEMOCRACIA

Bolsonaro perdeu votos no RN após receber apoio de Carlos Eduardo Alves

Ainda sobre as eleições no Rio Grande do Norte.

Além de perder a eleição do governo estadual para a senadora Fátima Bezerra (PT) com mais de 200 mil votos de diferença, Carlos Eduardo Alves (PDT) também prejudicou o candidato à presidência Jair Bolsonaro, a quem declarou apoio no 2º turno.

A maioria de Fernando Haddad sobre Jair Bolsonaro dia 28 de outubro foi 478.465 votos. A soma mostrou os percentuais expressivos de 63,41% para o candidato do PT contra 36,58% do capitão da reserva e presidente eleito pelo PSL.

Dos 167 municípios do Rio Grande do Norte, Haddad venceu em 164. As únicas derrotas foram em Natal, Parnamirim e Carnaúba dos Dantas, neste quase sem vantagem, já que a diferença foi de 50,12% para Bolsonaro, enquanto Haddad recebeu 49,88% dos votos.

No 1º turno, Bolsonaro havia vencido em cinco municípios potiguares. Além dos três já citados, o presidente eleito obteve mais votos também que o petista em Parelhas e Mossoró.

Embora tenha recebido o apoio do candidato do PDT no Rio Grande do Norte, Jair Bolsonaro não retribuiu a “ajuda”. O então candidato à presidência pelo PSL não declarou apoio a Carlos Eduardo no RN

Artigo anteriorPróximo artigo
Rafael Duarte
Jornalista e autor da biografia "O homem da Feiticeira: A história de Carlos Alexandre"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *