CAPA, DEMOCRACIA

Triplex atribuído a Lula é ocupado por militantes sem-teto

Por Mídia Ninja

O famoso Triplex do Guarujá, atribuído pelo juiz Sérgio Moro ao ex-presidente Lula, foi ocupado nesta segunda-feira (16) por militantes do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto (MTST) e da frente Povo Sem Medo, agremiação que reúne diversos movimentos de esquerda do país.

A defesa de Lula apresentou ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região (TRF4) documento que comprova que a empreiteira OAS seria a verdadeira proprietária do apartamento 164-A do Condomínio Solaris, também conhecido como o tríplex do Guarujá.

Em 2016 ativistas também ocuparam o Triplex da Globo, uma mansão em área de reserva ambiental na cidade de Paraty, no interior do Rio de Janeiro.

A pergunta agora é: Quem vai pedir reintegração de posse?

Em vídeo gravado de dentro do triplex, o líder do MTST e pré-candidato à presidência da República pelo PSOL Guilherme Boulos afirmou que a ocupação tem o objetivo desmascarar a farsa da prisão do ex-presidente Lula, preso em razão de condenação no processo do triplex do Guarujá. Os manifestantes aguardam para saber quem pedirá a reintegração de posse do imóvel, já que Sérgio Moro afirma que o apartamento pertence a Lula.

A Ocupação está sendo transmitida ao vivo pela página do líder do MTST e pré-candidato à presidência da República pelo PSOL Guilherme Boulos aqui

 

Artigo anteriorPróximo artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *