A agonia de um torcedor apaixonado

Amanheceu no sábado dizendo para si mesmo: “vou ocupar meu dia, não quero saber de jogo, não vou sofrer de novo, meu coração pode ter um problema aí, vou morrer por causa de porra de futebol? Vou não!”, garante. Será ?