Humorista é censurado pela PM após críticas a Bolsonaro

Um show do humorista Gustavo Mendes, conhecido por interpretar a ex-presidente Dilma Rousseff (PT), foi interrompido sexta-feira (30) e teve a presença da Polícia Militar após o artista realizar críticas ao atual presidente da República Jair Bolsonaro (PSL).

Karim Aïnouz e o Oscar

A jornalista Tatiana Lima escreve o cineasta de “A Vida Invisível”, filme brasileiro indicado ao Oscar