Santos e Revoltados

O professor, escritor e filósofo Pablo Capistrano adverte: “É sempre bom lembrar que as bases teológicas e metafísicas das revoluções justificaram tanto os crimes de lógica quanto os crimes de fé”.