TRABALHO

Prefeitura de Natal diz que cobrança do circular da UFRN será permanente e culpa perda de passageiros na pandemia

Depois da denúncia de cobrança do antigo circular que garantia o transporte dos estudantes dentro do Campus Central da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), a Prefeitura de Natal emitiu uma nota esclarecendo que a cobrança será permanente e é resultado da perda de passageiros que teria ocorrido no sistema de transporte público de Natal durante a pandemia do novo coronavírus.

“O que ocorria era que, no caso dessa linha, o custo operacional era subsidiado pelas demais linhas do sistema, ou seja, o sistema de transporte custeava a tarifa dos usuários do antigo circular da UFRN. Contudo, o atual cenário, de elevada perda no número de passageiros, coloca em xeque o equilíbrio que garantia o funcionamento de tal operação”, traz um trecho da nota.

De acordo com a Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), os usuários da linha “alimentadora UFRN” que vindos do sistema de transporte de Natal farão integração, através da bilhetagem eletrônica, tanto na chegada como na saída do Campus Universitário.

Na vinda das linhas que tem tarifa de R$ 1,95 (meia estudantil), o passageiro fará a integração sem pagamento adicional. Já na saída da UFRN, tendo em vista que a tarifa é R$ 1,60 (meia estudantil), haverá o pagamento complementar de R$ 0,35 para completar a tarifa normal do sistema. Nos demais deslocamentos, o passageiro pagará a tarifa R$ 1,60 (meia) e R$ 3,20 (inteira), tanto nos pagamentos em cartão, quanto em dinheiro.

Confira a nota na íntegra:

A Prefeitura do Natal, por meio da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), esclarece que a integração dos usuários que vem do sistema de transporte coletivo de Natal permanece gratuita para o alimentador UFRN, sem qualquer custo adicional.

O que ocorria era que, no caso dessa linha, o custo operacional era subsidiado pelas demais linhas do sistema, ou seja, o sistema de transporte custeava a tarifa dos usuários do antigo circular da UFRN.

Contudo, o atual cenário, de elevada perda no número de passageiros, coloca em xeque o equilíbrio que garantia o funcionamento de tal operação.

É importante esclarecer que os usuários da nova linha ALIMENTADORA UFRN vindos do sistema de transporte de Natal farão integração, através da bilhetagem eletrônica, tanto na chegada como na saída do Campus Universitário.

Na vinda das linhas que tem tarifa de R$ 1,95 (meia estudantil), o passageiro fará a integração sem pagamento adicional. Já na saída da UFRN, tendo em vista que a tarifa é R$ 1,60 (meia estudantil), haverá o pagamento complementar de R$ 0,35 para completar a tarifa normal do sistema.

Nos demais deslocamentos, o passageiro pagará a tarifa R$ 1,60 (meia) e R$ 3,20 (inteira), tanto nos pagamentos em cartão ou em dinheiro.

É necessário ressaltar que o sistema de transporte público visa garantir o deslocamento dos passageiros entre o Campus e as demais regiões da cidade, o que é garantido com a linha ALIMENTADORA UFRN com o pagamento de uma única tarifa.

Confira matéria anterior sobre esse assunto:

Linha circular da UFRN deixa de ser gratuita e estudantes marcam protesto na sede da STTU

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo