CULTURA

Forte dos Reis Magos é reaberto no dia do aniversário da cidade do Natal

Preservado e restaurado 422 anos depois de sua primeira edificação, o Forte dos Reis Magos foi aberto novamente ao público neste último sábado (25), data do aniversário da cidade de Natal, capital do Rio Grande do Norte. O local é uma edificação militar histórica porque é o marco inicial da cidade, que foi fundada em 25 de dezembro de 1599. O Forte recebe o nome de Reis Magos porque começou a ser construído em 6 de janeiro de 1598, dia de Reis no calendário católico.

A 1 km do Forte dos Reis Magos, o monumento a Estrela do Forte marca a entrada do histórico símbolo da capital potiguar. A arte é do potiguar Guaraci Gabriel e faz uma homenagem a três artistas que marcaram a cultura do RN e foram vítimas da Covid: Abraham Palatnik, artista plástico pioneiro em arte cinética; Ivo Maia, poeta e artista plástico; e Geraldo Cavalcante, cineasta.

Imagens: cedidas

A restauração do Forte foi viabilizada através do Projeto Governo Cidadão, no qual o Governo do Estado investiu R$ 4,3 milhões na obra, com recursos financiados pelo Banco Mundial. A entrega do Forte integra um conjunto de obras de reforma e restauro de nove equipamentos culturais do Rio Grande do Norte concluídas na gestão da professora Fátima Bezerra, num total de R$ 32 milhões em investimentos. Em outras gestões, houve até cerimônia de inauguração sem que os equipamentos estivessem funcionando. Entre as reformas e reaberturas de equipamentos realizados apenas nos últimos 20 dias, está o Teatro Alberto Maranhão (TAM), a Pinacoteca do Estado e a Biblioteca Câmara Cascudo.

Fátima Bezerra, durante visita ao Forte

Estamos vivendo um momento histórico para a cultura do nosso Estado. E o restauro do Forte dos Reis Magos representa um desses momentos. Devolvemos ao Rio Grande do Norte um importante pedaço da nossa história, da nossa cultura e do nosso turismo. Viva a revitalização da nossa cultura”, comemorou a governadora Fátima Bezerra.

A partir deste domingo (26), o Forte fica aberto ao público das 9h às 16h. O acesso será gratuito até março de 2022.  A reabertura do Forte ocorre no momento em que ele disputa o título de Patrimônio Mundial da Humanidade junto à Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco).

A reabertura do histórico prédio contou com a apresentação da Camerata de Vozes do RN, uma homenagem do cantor Paulo Tito à canção “Serenata do Pescador (Praieira)”, além da abertura da exposição “Forte dos Reis Magos – Cenário da Nossa Cultura” com artefatos históricos, e da mostra fotográfica sobre a restauração do Forte. Também foram realizadas apresentações no Largo da Praia do Forte, onde foi montado um palco para apresentação da banda Perfume de Gardênia com um Tributo à Natal e convidados como Babal, Krhystal, Nara Costa, Laryssa Costa, Alan Persa, Alexandre Piter e Debinha Ramos.

Imagens: cedidas
Foto: Sandro Menezes
Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo