CIDADANIA

Campanha em favor das vítimas de enchentes na Bahia arrecada mais de 4 mil litros de água em Natal com apoio do Sicoob/RN, G10 Favelas e Azul

Uma parceria entre o Sicoob Rio Grande do Norte, o movimento G10 Favelas e a Azul Linhas Aéreas conseguiu arrecadar mais de quatro mil litros de água mineral para as vítimas das enchentes no sul da Bahia. Parte do material já foi enviado em 7 de janeiro para o município de Itambé e o restante chega na próxima sexta-feira (21) pelo aeroporto de Vitória da Conquista, com apoio da companhia aérea Azul.

A distribuição nos locais mais afetados será feita pelas equipes de atendimento presentes no território baiano. A campanha foi batizada de “Dê de beber a quem tem sede”.

G10 Favelas é um movimento que congrega vários coletivos com foco na solidariedade e no empreendedorismo nas comunidades periféricas. Já o Sicoob/RN é a maior cooperativa financeira de crédito do país.

Segundo dados mais recentes, quase 30 mil pessoas estão desabrigadas na região, que também contabiliza 26 mortos e 520 feridos.

Rede de solidariedade 

A escassez de água potável é um dos maiores problemas enfrentados no sul da Bahia neste momento.

O Sicoob/RN convocou os cooperados para ajudar ainda que já estivesse enviando doações.

– A situação no sul da Bahia está muito complicada. Com as enchentes, o abastecimento de itens básicos, como água para beber, foi prejudicado. Por isso estamos juntando esforços para ajudar às vítimas. E quem puder somar nessa rede de solidariedade será muito bem vindo. O mínimo que for já será de grande importância”, disse Manoel Santa Rosa, presidente do Sicoob Rio Grande do Norte.

Coordenador do coletivo Comunitários contra a Covid e um dos representantes do G10 Favela no Rio Grande do Norte, o policial Jefferson Lúcio explica que a rede de solidariedade tem conseguido chegar em regiões bastante afetadas pelas fortes chuvas das últimas semanas:

– A região sul da Bahia concentra as cidades mais atingidas e o aeroporto de Vitória da Conquista é o mais próximo desses municípios até para facilitar o escoamento desse material. Arrecadamos mil litros de água na primeira fase e agora com o apoio do Sicoob mais três mil litros”, explicou.

Como há uma mudança na quantidade de voos diários em razão da disseminação da nova variante do coronavírus, a previsão de chegada dos 3 mil litros de água ficou para sexta-feira.

Como ajudar

Jefferson Lúcio explica ainda que as pessoas que ainda quiserem ajudar as vítimas das enchentes no sul da Bahia podem fazer uma doação em dinheiro através do pix cccpotiguar@gmail.com ou pelo site www.g10favelas.com.br, onde é possível contribuir com vítimas de outras tragédias, a exemplo dos desabrigados de Minas Gerais e da região de Coroadinho, no Maranhão.

 

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo