TRANSPARÊNCIA

Estado mantém servidores de grupo de risco trabalhando mesmo após decreto do Governo

Anúncios

Apesar do decreto divulgado sábado (14) pela governadora Fátima Bezerra (PT) determinando uma série de medidas para frear o avanço do Coronavírus em órgãos do poder público estadual, há funcionários idosos e dentro do grupo de risco que não têm conseguido autorização para se afastar do trabalho.

A agência Saiba Mais recebeu relatos nesta quinta-feira (19) de servidores de pelo menos três secretarias nesta situação que seguem dando expediente em órgãos do Governo.

No Instituto de Pesos e Medidas do RN (IPEM) as informações são de que há 15 servidores no grupo de risco.

Na Fundação de Atendimento Socioeducativo no Rio Grande do Norte a situação é semelhante. Servidores em tratamento contra o câncer também ainda não conseguiram liberação.

Na secretaria de Turismo, um funcionário de 70 anos segue trabalhando. Na copa, a uma servidora incluída no grupo de risco foi justificado que não tinha quem a substituísse.

Alguns funcionários já ameaçam acionar o Ministério Público do Trabalho para trabalhar de casa.

Durante a semana, o Gabinete Civil divulgou uma nota para secretários e diretores de órgãos afirmando que o Estado não pode parar. Mesmo sem fazer referência a casos específicos de servidores idosos e/ou dentro do grupo de risco, o GAC destacou que a sociedade não pode prescindir de serviços públicos.

 

Artigo anteriorPróximo artigo
Rafael Duarte
Jornalista e autor da biografia "O homem da Feiticeira: A história de Carlos Alexandre"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *