DEMOCRACIA

Advogado que escondeu Queiroz em imóvel foi à posse do ministro das Comunicações Fábio Faria

Anúncios

O imóvel onde Fabrício Queiroz foi encontrado e preso na manhã desta quinta-feira (18), no interior de São Paulo, pertence ao advogado Frederick Wassef, que defende Bolsonaro e o filho dele, Flávio Bolsonaro.

Wassef esteve ontem como convidado na posse do novo ministro das Comunicações, o deputado federal potiguar Fábio Faria (PSD). O advogado tinha acesso livre ao Palácio do Planalto. A presença dele na posse de Faria mostra a proximidade com o presidente e a família presidencial.

A casa de Wassef onde Queiroz foi encontrado era usada como escritório do advogado em Atibaia. Na frente do imóvel há uma placa com o nome de Frederick Wassef.

Ele defendeu Bolsonaro no caso de Adélio Bispo, acusado de dar uma facada no então candidato à presidente da República.

Fabrício Queiroz é ex-assessor de Flávio Bolsonaro e pivô do escândalo conhecido como “rachadinha”, esquema no qual os assessores do gabinete de Flávio repassavam parte dos salários para o filho do presidente.

Em setembro de 2019, em entrevista a Globo News, Frederick Wassef disse que não sabia onde estava o Queiroz.

Artigo anteriorPróximo artigo
Rafael Duarte
Jornalista e autor da biografia "O homem da Feiticeira: A história de Carlos Alexandre"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *