CULTURA

Camarones Orquestra Guitarrística e Manoel Cordeiro celebram o “Brasil de cima” em São Paulo

Lá de cima, das regiões Nordeste e Norte do país, um reencontro para marcar no calendário e fazer história em São Paulo. A banda do Rio Grande do Norte Camarones Orquestra Guitarrística sobe neste sábado (5) ao palco consagrado do Sesc Pompeia, em São Paulo, ao lado de um convidado especial: o paraense Manoel Cordeiro, um dos mestres da guitarrada brasileira.

O show começa às 21h.

O encontro celebra ritmos e levadas da guitarra brasileira. Como afirmam os próprios músicos, o show vai do “rock à cumbia e do rocksteady à lambada na alegria, no amor e na dança”.

O Camarones e Manoel Cordeiro iniciam uma turnê a partir de São Paulo. Eles também participam juntos de mais dois festivais: o BR 135 Instrumental, em Imperatriz (MA), e do festival Dosol, que acontece dias 23 e 24 de novembro, em Natal (RN).

Baixista do Camarones e uma das produtoras do festival Dosol, Ana Morena celebra o encontro com o mestre Cordeiro:

– Manoel Cordeiro é um dos reis da guitarra brasileira, um mestre da guitarrada, da lambada, é um dos precursores desse movimento, dessa estética, da forma de tocar guitarra. É uma honra pra gente, estamos muito felizes”, contou no estúdio de ensaio.

O primeiro encontro oficial entre o Camarones e Manoel Cordeiro aconteceu em maio de 2019, a convite do festival Sonido, realizado em Belém. Ana Morena conta que a “paquera” já vinha se desenhando até o que o destino fez a parte dele:

– A gente já tinha um desejo antigo de fazer um show em parceria com o Manoel Cordeiro. O show do Camarones sempre foi muito dançante, sempre paqueramos muito com a musica do Pará. Já fizemos várias composições com parceiros paraenses. Jogamos para o universo e deu certo: esse desejo se concretizou a convite do Sonido, festival de música instrumental do Pará. Fizemos um ensaio super rápido no dia anterior e deu a liga, foi muito massa o Manoel tocando as nossas músicas e a gente tocando as músicas dele. Ele é um mestre, um rei da música brasileira”, recorda.

 

Artigo anteriorPróximo artigo
Rafael Duarte
Jornalista e autor da biografia "O homem da Feiticeira: A história de Carlos Alexandre"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *