Pesquisa IPEA: 23% dos jovens não trabalham nem estudam

Segundo a pesquisa, a maioria dos jovens “nem-nem” é de mulheres de baixa renda, um dos maiores percentuais de jovens nessa situação entre nove países da América Latina e Caribe. Enquanto isso, 49% se dedicam exclusivamente ao estudo ou capacitação, 13% só trabalham e 15% trabalham e estudam ao mesmo tempo.