Trabalho infantil afeta 40 mil crianças e adolescentes no RN

O Ministério Público do Trabalho lança nesta terça-feira (12) a campanha de combate ao trabalho infantil “Quando a infância é perdida, não tem jogo ganho”. No Rio Grande do Norte, segundo o IBGE, 40 mil crianças e adolescentes trabalham de forma irregular