28 mortes no Morro: o que muda?

Para os membros do Movimento dos Policiais Antifascismo no Rio Grande do Norte, Dalchem Viana, Sérgio Pinheiro, Jean Cledson e Pedro Neto, o massacre do Jacarezinho deveria fazer o país refletir sobre outro aspecto: a criminalização da pobreza