Temer sanciona reajuste do Judiciário que Garibaldi e Agripino ajudaram a aprovar

A proposta dormia no Senado Federal e foi aprovada em 7 de novembro. O salário dos servidores do Judiciário terá um reajuste de 16,3%. Assim, os vencimentos de um ministro do STF passará dos atuais R$ 33 mil para R$ 39,2 mil. Efeito cascata deve gerar impacto de mais de R$ 4 bilhões nas contas públicas