+ Notícias

Chilenos convocam supermanifestação para o dia da final da Libertadores  

Anúncios

Os protestos no Chile contra o governo de Sebastián Piñera não têm data para acabar. Desde sábado (2) circula nas redes sociais a convocatória de uma grande manifestação para 23 de novembro, data da final da Copa Libertadores da América entre Flamengo x River Plate, que será disputada em jogo único, em Santiago, capital chinela. O evento está sendo chamado de “Supermanifestação”.

Os protestos começaram em 14 de outubro após o governo anunciar um aumento equivalente a 16 centavos de real no preço do metrô. Após uma semana de quebra-quebra Piñera voltou atrás, revogou o reajuste e anunciou a demissão de todos os ministros do governo, mas os manifestantes não recuaram.

O preço da tarifa do metrô foi apenas o estopim dos protestos, que evoluíram para exigências e mudanças na educação, saúde, sistema de aposentadoria e até na Constituição.

A polícia tem aumentado a repressão nas ruas. Nos últimos dias, mais de 1.300 manifestantes foram atendidos em hospitais, sendo mais de 140 com ferimentos nos olhos. Mais de 9 mil pessoas já foram presas no Chile.

Anúncios
Artigo anteriorPróximo artigo
Rafael Duarte
Jornalista e autor da biografia "O homem da Feiticeira: A história de Carlos Alexandre"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *