DEMOCRACIA, Principal

DataFolha: Haddad e Ciro empatados com 13%; Bolsonaro lidera com 26%

Na primeira pesquisa DataFolha realizada após a oficialização de Fernando Haddad como o candidato do PT, o petista subiu 4 pontos percentuais e empatou numericamente com Ciro Gomes (PDT), ambos com 13% das intenções de voto.

A liderança isolada permanece com Jair Bolsonaro (PSL), que cresceu dentro da margem de erro em relação à última pesquisa e agora tem 26%. Geraldo Alckmin e Marina Silva oscilaram negativamente, mas também dentro da margem de erro. O tucano obteve 9% das citações, enquanto a candidata da Rede caiu para 8%.

Alvaro Dias (Podemos), João Amoêdo (Novo) e Henrique Meirelles (MDB) chegaram a 3% percentuais. Guilherme Boulos (PSOL), Cabo Daciolo (Patri) e João Goulart Filho (PPL), foram citados por 1% dos entrevistados.

O levantamento foi realizado entre quinta (13) e sexta (14), ouvindo 2.820 eleitores em 187 cidades, com uma margem de erro de dois pontos para mais ou para menos. A pesquisa foi contratada pela Folha e pela Rede Globo.

O índice de rejeição de todos os candidatos subiu. O mais rejeitado entre todos os concorrentes ao Palácio do Planalto segue sendo Jair Bolsonaro (44%). Fernando Haddad aparece em segundo, com 26% de rejeição, seguido de perto pelo tucano Geraldo Alckmin, rejeitado por 25% dos entrevistados. A rejeição de Marina Silva chegou a 30% e Ciro Gomes é rejeitado por 21% dos eleitores.

 

Artigo anteriorPróximo artigo
Rafael Duarte
Jornalista e autor da biografia "O homem da Feiticeira: A história de Carlos Alexandre"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *