Sem categoria

Fátima amplia vantagem, Zenaide sobe e pressão sobre Carlos Eduardo Alves aumenta

Fátima lidera corrida eleitoral para Governo do RN

A vantagem da senadora Fátima Bezerra (PT) sobre os demais concorrentes à sucessão ao Governo do Estado aumentou a pressão sobre o futuro político do prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves (PDT). Pesquisa do Instituto SETA/Blog do BG divulgada nesta terça-feira (20) aponta a maior diferença já registrada entre Fátima e os demais pré-candidatos para o pleito deste ano. Na pesquisa estimulada, onde os nomes são apresentados ao eleitor, Fátima Bezerra apareceu com 29,6% das intenções de voto, mais de três vezes o percentual de Carlos Eduardo Alves, que manteve a segunda colocação, com 8,12% da preferência dos eleitores.

Logo abaixo, o governador Robinson Faria (PSD) surge com 5,61%, à frente do ex-governador Geraldo Melo (sem partido), que obteve 3,71%. O deputado estadual Kelps Lima (Solidariedade) conseguiu 3,11%. O vice-governador Fábio Dantas (PSB) não alcançou nem 1% das intenções de voto, ficando apenas com 0,60% da preferência dos eleitores.

A pesquisa foi realizada de 10 a 13 de março e ouviu 1.100 eleitores em todas as regiões do Rio Grande do Norte. A margem de erro é de 3,5% e o intervalo de confiança é de 95%.

Carlos Eduardo Alves vive um dilema. Se for para a disputa terá que renunciar ao cargo de prefeito até 7 de abril, o que ele negou que faria durante a campanha que o reelegeu em 2016. Caso descumpra a palavra empenhada, a prefeitura de Natal será administrada por Álvaro Dias (PMDB), ex-prefeito de Caicó investigado pela Justiça por inchar a folha de pagamento da Assembleia Legislativa entre 1997 e 2003, período em que presidiu a Casa. Outro fantasma que ronda a cabeça de Carlos Eduardo é a possibilidade de derrota, o que o deixaria sem mandato eletivo por seis anos, caso não dispute o cargo de vereador em 2020.

O prefeito de Natal tem dificuldades em seu próprio reduto. A pesquisa do Instituto Setas revelou que 65% dos eleitores entrevistados avaliam a gestão dele como ruim ou péssima.

No plano nacional, Lula segue disparado com 43% da preferência do eleitorado, seguido de Jair Bolsonaro (17,74%), Ciro Gomes (5,51%) e Marina Silva (3,21%) e Geraldo Alckmin (1,10%).

 

Saiba Mais: Pesquisa Instituto Opine/BAND Natal confirmou vantagem de Fátima e Lula no final de 2017

 

Zenaide lidera corrida para Senado

A disputa para o Senado Federal promete ser tão ou mais acirrada do que foi em 2014, quando Fátima Bezerra ultrapassou Wilma de Faria na reta final da votação. De acordo com a pesquisa estimula, deputada federal Zenaide Maia (PHS) lidera as intenções para o primeiro voto, com 9,92% da preferência do eleitorado. Em segundo lugar aparece o senador José Agripino Maia (8,7%), seguido do também senador Garibaldi Alves Filho (7,4%). Geraldo Melo (3,8%), Carlos Eduardo Alves (2,3%), Ney Lopes (1,2%), Magnólia Figueiredo (1,0%), Fábio Dantas (0,6%), Joanilson Rego (0,4%) e Luis Roberto (0,2%) completam a lista de candidatos.

 

 Acordão é rejeitado

 Outra informação divulgada que chama a atenção na pesquisa é o grau de rejeição das chapas que contam com os senadores Garibaldi Alves (MDB) e José Agripino Maia (DEM). Tanto a chapa com o prefeito Carlos Eduardo Alves disputando o Governo como a chapa com o vice-governador Fábio Dantas na cabeça para o Executivo foram rejeitadas por mais de 70% dos eleitores

Artigo anteriorPróximo artigo
Rafael Duarte
Jornalista e autor da biografia "O homem da Feiticeira: A história de Carlos Alexandre"