CULTURA

Fátima garante R$ 14 milhões para a cultura via renúncia, fundo e linha de crédito

O Governo do Rio Grande do Norte vai lançar uma linha de crédito para a cultura ainda em 2019 no valor de R$ 8 milhões. O anúncio foi feito nesta terça-feira (14) pela governadora Fátima Bezerra, durante seminário Motores do Desenvolvimento, promovido pela Fiern, evento do qual participaram o diretor do Sesc São Paulo Danilo Santos de Miranda e da cantora e compositora Zélia Duncan.

A linha de crédito será aberta através da Agência de Fomento do Rio Grande do Norte (AGN) em julho. O crédito será destinado especificamente para financiar equipamentos artísticos. Os detalhes serão divulgados em  breve.

Fátima lembrou que, mesmo em meio à calamidade financeira do Estado, assinou recentemente um decreto autorizando a destinação de R$ 3 milhões, por meio de renúncia fiscal, para a Lei de Incentivo à Cultura Câmara Cascudo.

“A Fundação José Augusto é quem vai determinar como os recursos do Fundo serão utilizados, mas já adianto que serão destinados para pequenos projetos e de pouca viabilidade comercial. Também pretendemos implantar a linha de micro crédito pró-cultura no valor de R$ 8 milhões, através da AGN [Agência de Fomento do RN]”, adiantou.

A governadora também assumiu o compromisso de criar o Fundo Estadual de Cultura (FEC), um desejo de vários anos segmento artístico e para o qual serão destinados outros R$ 3 milhões. A expectativa é de que o lançamento do FEC também ocorra em julho.

Somando a renúncia já autorizada no valor de R$ 3 milhões, a linha de crédito específica para aquisição de equipamentos no valor de R$ 8 milhões e o Fundo Estadual de Cultural de R$ 3 milhões o setor deve contar com R$ 14 milhões ainda em 2019.

 

Artigo anteriorPróximo artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *