TRANSPARÊNCIA

Fortaleza tem o maior número de novos casos de Covid-19 entre as capitais

Em plena Semana Santa, a mensagem da capital cearense, um dos polos turísticos do país, é de reforçar o isolamento social. Isso porque, Fortaleza é hoje a capital brasileira com maior taxa de novos infectados, sendo 34,7 a cada 100 mil habitantes.

O estado do Ceará está entre os três estados que ultrapassou os mil casos confirmados do novo coronavírus – São Paulo e Rio de Janeiro lideram. Há uma média de duas mortes atribuídas à doença por dia no Estado. O vírus é registrado em 45 municípios localizados em todas as cinco regiões do Ceará e está presente em 90% dos bairros da cidade de Fortaleza. Já são 1.374 diagnósticos positivos e 53 mortes em decorrência da doença. No Brasil inteiro, os óbitos chegaram a 800 nesta quarta, com 15.927 infectados.

Dos óbitos, 41 aconteceram em Fortaleza, enquanto os demais aconteceram em outros 11 municípios: Eusébio (2), Aracati (1), Cariús (1), Caucaia (1), Farias Brito (1), Iguatu (1), Itaitinga (1), Jaguaribe (1), Maracanaú (1), Santa Quitéria (1) e Tianguá (1).

De acordo com a secretaria da Saúde do Ceará, a rede pública se prepara para as fases mais agudas do contágio, com pico previsto para a última semana de abril. Entre as principais medidas estão a construção de um hospital emergencial em um estádio de futebol, a montagem de hospitais de campanha, a conversão temporária de quartos de hotel em leitos, e a requisição de leitos e equipamentos na rede particular.

Rio Grande do Norte

A proximidade com o Ceará tem reflexos no Rio Grande do Norte. As autoridades dos órgãos sanitários do Estado apontam que o número de óbitos em Mossoró, por exemplo, tem relação com o estado vizinho. Mossoró lidera o ranking de mortes no RN, com cinco dos 11 óbitos já registrados em território potiguar.

Artigo anteriorPróximo artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *