+ Notícias

Governo estabelece acordo com cooperativas de médicos para retorno de atividades

O Governo do Estado em reunião na sexta-feira, (05), com cooperativa de médicos para retornar as cirurgias de alta complexidade pelo Sistema Único de Saúde (SUS), que tinham sido suspensas em paralisação definida pelos profissionais. A realização desses procedimentos voltou ao normal desde sábado (06), sendo ofertado nos hospitais públicos e privados que mantém convênio com o governo. 

A reunião com a Secretaria da Saúde Pública (Sesap) e os representantes da Coopmed foi considerado positiva para ambos os lados, que mantinham relação acirrada devido à falta de pagamento dos serviços por parte do governo, segundo afirmou as cooperativas. 

O retorno das cirurgias de alta complexidade e da paralisação de 156 profissionais da saúde se deu por meio de acordo estabelecido pelo governo de pagar à Prefeitura um depósito de 1,2 milhão, que será repassado às cooperativas responsáveis de pagar individualmente cada profissional. 

A cooperativa é responsável pela realização de 2,2 mil cirurgias mensalmente o estado. Por três dias haviam sido interrompidos os atendimentos em ortopedia, oncologia, cirurgias pediátricas, cardíacas e neurocirurgias. Os serviços agora serão ofertados normalmente. 

As atividades serão retomadas a partir do sábado (06), nos seguintes hospitais:

  • Hospital do Coração;
  • Hospital Infantil Varela Santiago;
  • Instituto do Coração de Natal (Incor);
  • Prontoclínica Dr. Paulo Gurgel;
  • Clínica Ortopédica de Natal;
  • Liga Norte-riograndense Contra o Câncer;
  • Hospital Memorial (somente as atividades competentes ao Governo, devido à falta de pagamento do município pelos serviços dos quais são responsáveis).

Além do pagamento, foi estabelecido também a criação de um grupo de trabalho que contará com o apoio de representantes do estado, médicos e anestesiologistas para promover diálogo sobre as atividades e pagamentos, de modo a evitar novas paralisações nos serviços e prejuízos à sociedade. 

 

Artigo anteriorPróximo artigo
Pedro Torres
Pesquisador e jornalista com foco em direitos humanos, política e tecnologia baseado em Natal/RN. CONTATO: pedrohtorres@outlook.com

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *