DEMOCRACIA

Historiador da UFPB debate o futuro das relações exteriores no país de Bolsonaro

O historiador da UFPB Daniel Afonso da Silva participa nesta terça-feira (20) de uma mesa redonda sobre o papel do Brasil nas relações internacionais, com ênfase no momento atual do país. A palestra “O trágico na História brasileira contemporânea” começa às 19h, na sala C5, do setor de aulas II, e está sendo promovido pelo programa de pós-graduação em História, com área de concentração em História e Espaços da UFRN.

Daniel Afonso da Silva é doutor em História Social pela Universidade de São Paulo, professor-pesquisador convidado do “Centre de Recherches Internationales da Sciences Po” de Paris e atua na área de Relações Internacionais.

Entre os questionamentos sobre os quais Daniel Afonso vai se debruçar estão os desafios, dilemas e dificuldades que o país deverá enfrentará no aspecto de suas relações exteriores.

Após o anúncio pelo presidente eleito Jair Bolsonaro de que Ernesto Araújo será o futuro ministro das Relações Exteriores do governo que toma posse em 1º de janeiro de 2019, o Brasil virou piada na Europa. Entre as polêmicas declarações de Araújo nos últimos meses, uma das que mais repercutiu foi a que Ernesto “explica” que mudança climática é um dogma marxista.

A escolha foi criticada por especialistas da área de relações internacionais do país e mundo afora.

O debate com o professor Daniel Afonso da Silva é aberto a toda a comunidade e as inscrições estão sendo feitas pelo sistema SigaA da UFRN.

 

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo
Rafael Duarte
Jornalista e autor da biografia "O homem da Feiticeira: A história de Carlos Alexandre"