CULTURA

Jornalista Octávio Santiago lança romance “Coisa fraca no sal não prospera”

O jornalista Octávio Santiago lançará em Natal, pela Escribas Editora, o livro “Coisa fraca no sal não prospera”, nesta quinta-feira (7). O autor estará no ateliê botânico Fábrica de Engenhos, localizado no bairro Tirol, das 17h às 21h.

É o primeiro romance de Octávio, que estreia se posicionando na literatura contemporânea a partir de marcas regionais em uma desconstrução do Nordeste estereotipado. O Rio Grande do Norte é uma das leituras do “sal” do título – que evoca.

Octávio já trabalhou como repórter e com política em Natal e Brasília, temas que permeiam a narrativa do livro. Assuntos como rejeição, descrédito, fidelidade, machismo e luta de classes, além do declínio do jornalismo impresso e da desvalorização do patrimônio cultural, moldam a história contada por Matias (narrador e protagonista do livro), cujo interesse em encontrar culpados é latente.

“Matias é um jornalista teimoso, com muitas feridas abertas do passado e que por uma coincidência de uma Natal tão entrelaçada, está diante de uma pauta que pode ser a solução do problema que mais lhe aflige. Resta saber se a sua versão sobre os fatos será aceita, já que a sua parcialidade nesse caso é incontestável”, conta o autor, que nega de forma veemente se tratar de personagem autobiográfico. “Tenho em comum com ele apenas a profissão”.

A orelha é assinada pela escritora, professora e artista visual paranaense Julie Fank, que diz não temer colocar a etiqueta de “livro dos bons”. “Ele se confirma perspicaz no enfileiramento de cenas pouco óbvio alternado com o endereçamento de afetos da memória”, escreveu ela.

SERVIÇO

“Coisa fraca no sal não prospera”, Octávio Santiago – Escribas
Lançamento
Dia 7 de outubro
Das 17h às 21h
Fábrica de Engenhos (Rua Açu, 707 – Tirol)

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo
Isabela Santos
Isabela Santos é jornalista e repórter da agência Saiba Mais