TRANSPARÊNCIA

Natal começa a vacinar pessoas com 61 anos ou mais nesta segunda (26) e suspende pela terceira vez 2ª dose da Coronavac

A partir desta segunda (26), chegou a vez das pessoas com 61 anos ou mais serem vacinadas contra a covid-19 em Natal. Segundo a Secretaria Municipal de Saúde (SMS), serão aplicadas doses da Oxford/ AstraZeneca. Nos mesmos pontos de vacinação, também serão disponibilizadas a segunda dose do mesmo imunizante, que tem intervalo de 12 semanas entre a 1ª e a 2ª aplicação.

Para agilizar a vacinação, a SMS pede que o idoso baixe o formulário de vacinação contra Covid-19 disponível no site da Prefeitura de Natal e preencha com letra de forma o nome, CPF, data de nascimento e CEP. Além desse formulário, também é preciso apresentar o comprovante de residência de Natal, cartão de vacinação e documento com foto para garantir a aplicação da vacina.

Locais de vacinação:

Drives: Arena das Dunas, UNP, Ginásio Nélio Dias, OAB, Shopping Via Direta e SESI

Drives com pontos de vacinação para pedestres:  UNP, Ginásio Nélio Dias, OAB, Shopping Via Direta e SESI

HORÁRIO: 8h às 16h.

Salas de vacinação: Nas 35 salas de vacinação o atendimento é preferencial para idosos. O Horário de funcionamento é de segunda à sexta, das 8h às 11h30 e das 12h30 às 15h.

2ª dose Coronavac

Natal voltou a suspender a vacinação com a Coronavac por falta de imunizante. Segundo a SMS, durante este final de semana, foram vacinadas as pessoas que tomaram a 1ª dose da Coronavac até o dia 27 de março, no entanto, a vacinação foi suspensa pela terceira vez porque o estoque do imunizante voltou a se esgotar.

A capital potiguar chegou a ter 9.616 pessoas com a 2ª dose da Coronavac atrasada por falta de vacina. Nesta última sexta (23), o município recebeu a reserva técnica armazenada pela Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap), conforme determinação do Ministério da Saúde, num total de 2.900 doses. Além disso, Natal também recebeu 2.100 doses da remessa mais recente do MS.

A falta de doses gerou uma corrida pela vacina e houve tumulto e aglomeração no ponto de imunização para pedestres do shopping Via Direta. Segundo a secretaria de Saúde de Natal, 4.900 doses da fabricante Coronavac foram aplicadas neste final de semana.

Para concluir o esquema vacinal de proteção à covid-19, o recomendado é que a segunda dose da Coronavac seja aplicada entre 14 e 28 dias depois da 1ª aplicação. Para quem não conseguiu garantir a segunda dose, a recomendação do secretário de Saúde da capital, George Antunes, é aguardar a chegada de uma nova remessa do Ministério da Saúde, o que não tem prazo para acontecer. Segundo o secretário, mesmo com a 2ª dose atrasada, não há risco de prejuízo ao esquema vacinal.

 

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *