DEMOCRACIA

Pesquisa Certus/FIERN: Fátima Bezerra é a candidata preferida dos empresários

A pesquisa realizada pelo Instituto Certus em parceria com a FIERN divulgada neste domingo (2) revela que a senadora Fátima Bezerra (PT) é a candidata preferida entre os empresários do Rio Grande do Norte para assumir o Governo do Estado, a partir de 1º de janeiro de 2019.

A petista obteve 37,5% das intenções de voto junto ao segmento. O ex-prefeito de Natal Carlos Eduardo Alves (PDT) aparece em segundo, citado por 15% dos empresários entrevistados.

O governador Robinson Faria (PSD) foi lembrado por apenas 5% dos eleitores do setor produtivo, empatado com o candidato Brenno Queiroga (Solidariedade).

O percentual de Robinson junto aos empresários é surpreendente, uma vez que o vice escolhido pelo governador é o empresário mossoroense Tião Couto, o que pelo jeito ainda não conseguiu sensibilizar os colegas.

Um dado que chama a atenção é a presença do candidato Dário Barbosa (PSTU) à frente do governador Robinson Faria, na pesquisa realizada entre os empresários.

Professor da rede estadual e presidente estadual de um partido cujo slogan é “contra burguês, vote 16”, Barbosa foi citado por 7,5% dos entrevistados do segmento empresarial ouvidos pela pesquisa.

Do mesmo modo que surpreende o percentual de Dário Barbosa, chama a atenção também o fato de Carlos Alberto de Medeiros (PSOL) não ter alcançado nem 1%. O candidato do PSOL é professor e empresário, mas não foi lembrado pelos colegas do setor.

Estudantes

Levando em conta a ocupação dos entrevistados, Fátima lidera em todos os segmentos abordados na pesquisa, com destaque para os estudantes, maior percentual da candidata do PT. A senadora recebeu 53% das intenções de voto dos estudantes ouvidos pelo Instituto, bem à frente de Carlos Eduardo Alves (PDT) e Robinson Faria (PSD), citados por apenas 8,43% dos entrevistados.

A pesquisa divulgada pelo Instituto Certus/FIERN pode ser lida na íntegra aqui

A pesquisa foi realizada entre os dias 24 e 27 de agosto e tem margem de erro de 3% para mais ou para menos.

Artigo anteriorPróximo artigo
Rafael Duarte
Jornalista e autor da biografia "O homem da Feiticeira: A história de Carlos Alexandre"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *