CULTURA

Poeta potiguar lança Autópsia no Abayomi

Nesta sexta-feira, dia 17, a poeta potiguar Gessyka Santos vai lançar seu primeiro livro, intitulado Autópsia, no Abayomi Espaços Compartilhados, em Tirol. A coleção de poemas, que é fruto de um financiamento coletivo, traz a autópsia de vida da própria escritora, cercada de medos e incertezas em um processo de descoberta. O lançamento terá início a partir das 18h30 e a entrada é gratuita.

“Estou muito ansiosa e feliz. A expectativa é de que seja uma noite muito boa, de arte. Estamos compartilhando um momento de celebração, o que vier depois disso é consequência”, revela.

Os escritos traduzem, alguns em primeira pesssoa, as sensações de Gessyca diante da depressão e da síndrome do pânico. A obra, que inicialmente seria um zine, começou a ser escrita em 2016, um ano antes da autora ser diagnosticada com as doenças.

“Todos os poemas falam em algum momento sobre isso. Escrevi antes, durante e depois de ter sido diagnosticada. É um processo de descoberta, como eu e meu corpo reagimos diante de crises. Falo desse medo, dessas dores, dessa ansiedade, do que se passa na cabeça de alguém que sofre dessas coisas”, conta.

Para financiar o livro, a estudante de produção cultural fez uma vaquinha on-line, de março a abril, onde conseguiu arrecadar 58,75% do valor necessário. Depois, criou um selo chamado anzóis, e imprimiu os livros de forma independente.

“O processo foi natural ao longo desses três anos, escrevi como forma de me entender. Talvez seja uma forma de se enxergar, são coisas muito cruas, muito particulares, mas também pode acontecer essa identificação das pessoas”, diz a autora.

Em um dos trechos do livro, a autora diz perder-se constantemente. Ela também se define como liquida, densa e turva, em meio à imensidão de sensações. O livro é dividido em três capítulos e cada um deles tem 7 poemas.

“Perco-me no movimento das horas na velocidade das coisas no cozimento dos
legumes nas notícias lembranças no mistério do tempo na rotação da terra
perco-me na tua relva no côncavo da axila nas arestas da virilha nos sinais
espalhados pela pele na mente perco-me no amontoado de rostos
estrangeiros seis-doze-dezesseis-vinte-anos que se rompem através do
espelho e esfarela em minhas mãos
não sangro
não sofro.
pois bem sei o que sou…”

Lançamento

Evento: Lançamento do livro Autópsia, de Gessyka Santos

Local: Abayomi Espaços Compartilhados

Horário: 18h30

Entrada: gratuita

 

Artigo anteriorPróximo artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *