Principal

Por Greve Geral e ‘Fora Bolsonaro’ grupo interdita Ponte de Igapó na madrugada deste sábado (24)

A União da Juventude Comunista (UJC) publicou nas redes sociais imagens da interdição parcial da Ponte de Igapó (Natal/RN) que ocorreu na madrugada deste sábado (24). O grupo ateou fogo em pneus e escreveu palavras de ordem em defesa de ‘Greve Geral’ e ‘Fora Bolsonaro’ na pista no sentido Zona Norte – Zona Sul.

Nas imagens postadas no Instagram é possível ver que pelo menos uma viatura da Polícia Militar esteve no local e um veículo do Corpo de Bombeiros. Mas, segundo integrantes da UJC, não houve conflito entre o grupo e a polícia. A interdição parcial durou alguns minutos. O tráfego na ponte já está liberado, segundo assessoria do Comando da Polícia Militar.

No texto da postagem o Instagram, a UJC afirma que a luta do grupo, neste momento é por:

1 – Fora Bolsonaro, Mourão e Guedes
2 – Em defesa do SUS público, gratuito e estatal, contra a precarização da saúde
3 – Pela vacinação em massa
4 – Por auxílio emergencial digno
5 – Poder popular e rumo ao socialismo

Natal e interior do RN terão manifestações contra Bolsonaro

A população vai mais uma vez às ruas, neste sábado (24 de julho) pedir o impeachment de Bolsonaro. Com centenas de atos confirmados, inclusive em outros países, as reivindicações incluem vacinação, auxílio emergencial de R$ 600 e emprego.

Em Natal, o encontro convocado por movimentos sociais, sindicatos e partidos políticos está marcado para as 15h, no cruzamento entre as avenidas Salgado Filho e Bernardo Vieira. Municípios do interior potiguar também estão convocando a comunidade para a luta.

Em Mossoró, haverá caminhada a partir das 9h, da Arte da Terra até a Praça do Pax; em Macau, o ponto de encontro será o Mercado Público, às 8h; em Caicó, a ação pela democracia começa cedo, às 7h30; em Montanhas, na Praça do bairro Cidade Nova, às 16h; e João Câmara reúne os manifestantes na Praça Baixa-Verde, às 8h.

A Agência Saiba Mais fará a cobertura especial do ato unificado 24J ao vivo pelo programa Balbúrdia, no Youtube.

Ao todo, já foram confirmados 448 protestos em 471 cidades e 17 países diferentes. Só no Rio Grande do Norte, haverá manifestações em 11 municípios. Além de Natal, já estão confirmados atos em Parnamirim, Mossoró, Pipa, Pureza, São Miguel, Caicó, Extremoz, Montanhas, Jucurutu e Macau.

Balbúrdia/SaibaMais fará transmissão AO VIVO

O programa será conduzido, na bancada virtual, pelos jornalistas Jana Sá, Rafael Duarte e Cledivânia Pereira. Já as entrevistas de rua, no local da manifestação, serão realizadas pelas repórteres Luana França e Mirella Lopes.

Durante a transmissão, se revezando ao longo do protesto, um time de convidados especiais de diferentes áreas vai falar sobre o atual momento político do país num cenário de pandemia e de queda acentuada da popularidade de Jair Bolsonaro.

Entre os convidados já confirmados está a vice-presidenta da Federação Nacional dos Jornalistas Samira de Castro, que comentará a escalada de violência contra jornalistas no país. Relatório divulgado pela Fenaj em 2020 apontou o aumento da violência contra os profissionais da comunicação e que 40% dos ataques foi desferido pelo presidente da República. Outro nome já certo é o do chargista e cartunista Ivan Cabral, que vai falar sobre o humor no Brasil em tempos de intolerância. O médico Alexandre Motta e o diretor do Sindicato dos Professores Miguel Salustiano também já confirmaram presença.

Pesquisa recente divulgada pelo Instituto DataFolha mostrou que 53% da população brasileira já defende o impeachment de Bolsonaro. Jornalistas das demais capitais do Nordeste também entrarão ao vivo para informar detalhes das manifestações realizadas na região.

Confira a grade de programação do Balbúrdia especial 24J

15h10 às 15h30 – Samira de Castro – vice-presidenta da Fenaj
15h30 às 15h40 – Wanessa Oliveira – Mídia Caetés (AL)
15h40 às 16h – Ivan Cabral – chargista e cartunista
16h às 16h10 – Laércio Portela / Marco Zero Conteúdo (PE)
16h30 às 16h40 – Alex de Souza – jornalista (PB)
16h40 às 17h – Miguel Salustiano – professor e diretor do SINTE
17h10 às 17h30 – Alexandre Motta – médico
17h40 às 18h – Djamiro Acipreste – advogado

 

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *