+ Notícias

Prefeitura nega reajuste do piso e professores param nesta sexta  

Anúncios

Os professores da rede municipal de Natal param nesta sexta-feira (2) em protesto contra o não pagamento do reajuste do piso salarial da categoria relativo a 2018. A prefeitura já admitiu que não tem como efetuar o pagamento, mas prometeu incluir os recursos no orçamento de 2020.

Os professores se concentram a partir das 8h30 em frente segundo gabinete do prefeito Álvaro Dias, localizado na Rua Lafayete Lamartine, nº 1906, bairro de Candelária.

Anúncios

Essa é a terceira paralisação da categoria em 2019 que, além do reajuste do piso, cobra ainda demandas como estrutura e autonomia das unidades de ensino, condições de trabalho, direitos funcionais, formação dos educadores e até plano de carreira. O pagamento de 10% da reposição salarial, negociada ainda em 2013, também integra a pauta. Porém, a prefeitura não reconhece a dívida.

Em recente reunião com a secretária municipal de Educação Cristina Barreto, a presidenta do Sinte Fátima Cardoso disse que os professores não aceitarão o calote do município:

“Nenhum prefeito vai passar calote na categoria, porque a luta vai continuar e os 10% estão em pauta desde 2013. Cabe agora a categoria reagir, lutar para que o Prefeito não descumpra o processo de atualização dos nossos direitos”, afirmou a sindicalista.

 

Anúncios
Artigo anteriorPróximo artigo
Rafael Duarte
Jornalista e autor da biografia "O homem da Feiticeira: A história de Carlos Alexandre"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *