CIDADANIA

Quase um mês depois do início da vacinação contra covid-19, Rio Grande do Norte vacinou 2,18% da população

Prestes a completar um mês do início da vacinação contra a covid-19, o Rio Grande do Norte vacinou, até a manhã desta quinta (18), 77.342 pessoas, o equivalente a 2,18 % da população do estado. A imunização no RN começou em 19 de janeiro, menos de 24 horas depois de receber o 1º lote da Coronavac, produzida pelo Instituto Butantan.

O Rio Grande do Norte tem uma população de 3.534.165 habitantes e, até o momento, 648.217 pessoas se cadastraram no RN Mais Vacina, aplicativo de monitoramento das vacinas que chegam ao RN. Natal é a cidade com o maior número de pessoas imunizadas. Dos 890.480 habitantes, 27.452 foram vacinados, o equivalente a 3,08% da população. Em seguida, vem Mossoró com 300.618 habitantes e 9.889 vacinados; Parnamirim, com 267.036 habitantes e 7.191 vacinas aplicadas; São Gonçalo do Amarante, com 103.672 habitantes e 1.226 pessoas imunizadas; e Caicó, com 68.343 habitantes e 1.999 moradores vacinados.

Ao todo, 648.217 pessoas se cadastraram no RN Mais Vacina, plataforma desenvolvida pelo Laboratório de Inovação Tecnológica em Saúde da UFRN (Lais/ UFRN). No entanto, por causa do baixo número de vacinas enviadas pelo Ministério da Saúde, a minoria foi imunizada. Dentre os grupos prioritários, 59.943 trabalhadores da saúde foram vacinados, 59.503 receberam a 1ª dose e 9.789 garantiram a segunda; apenas 52 pessoas no grupo da população indígena, aldeada e quilombola foram vacinadas, sendo que cinco receberam a 2ª dose; já entre os idosos institucionalizados, 1.150 receberam a 1ª dose e 209, a 2ª; e dentre os idosos acima dos 75 anos, 8.776 receberam a 1ª e 195, a 2ª dose.

Grupos prioritários

No RN foram vacinados os idosos institucionalizados, trabalhadores da saúde e, no momento, as secretarias de saúde dos municípios estão na fase de vacinação dos idosos acamados acima dos 75 anos. A conclusão da vacinação dos grupos prioritários e avanço para as próximas fases depende do envio das vacinas pelo Ministério da Saúde que orientou os estados a seguirem os seguintes critérios:

1ª Fase: Trabalhadores de Saúde; pessoas com 75 anos ou mais; pessoas de 60 anos ou mais institucionalizadas; população indígena; aldeado em terras demarcadas; povos e comunidades tradicionais ribeirinhas.

2ª Fase: Pessoas de 60 a 74 anos.

3ª Fase: Pessoas com diabetes mellitus; hipertensão; doença pulmonar obstrutiva crônica; doença renal; doenças cardiovasculares e cerebrovasculares; indivíduos transplantados de órgão sólido; anemia falciforme; câncer; obesidade grave (IMC≥40).

Nova remessa de vacinas chegam ao RN dia 24

O Ministério da Saúde confirmou nesta quinta (18) que uma nova remessa de vacinas será enviada ao Rio Grande do Norte no próximo dia 24. Porém, ainda não se sabe a quantidade de vacinas que serão transportadas.

Novo tipo de vírus no RN?

Com a vinda de pacientes de Manaus para o Rio Grande do Norte e a descoberta de novos tipos (cepas) de vírus em circulação no país, inclusive com uma variante de Manaus, a Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) recolheu amostras desses pacientes transferidos para Natal e enviou para a Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz), no Rio de Janeiro.

A estimativa era que o resultado ficasse pronto num prazo de 15 dias, mas até esta quinta o resultado não havia ficado pronto. Os primeiros pacientes vindos de Manaus chegaram em Natal há um mês, no dia 18 de janeiro. Natal recebeu em 14 dias um total de 55 pacientes de Manaus transportados em quatro vôos.

População do RN: 3.534.165 pessoas

Pessoas vacinadas: 77.342 pessoas

Total de vacinas recebidas pelo RN

Vacina CoronaVac: três lotes

Recebimento: 1º lote em 19.01.2021 (82.440 doses)

2º lote em 25.01.2021 (16.400 doses)

3º lote em 07.02.21 (46.800 doses)

Total: 145.640 doses

Vacina Oxford: um lote

Recebimento: 1º lote em 24.01.2021

Total: 31.500 doses

TOTAL DE DOSES: 177.140

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *