CIDADANIA

RN fecha 465 leitos do SUS em oito anos; 40% só em Natal

Pesquisa inédita realizada pelo Conselho Federal de Medicina apontou que, nos últimos oito anos, o Rio Grande do Norte fechou 465 leitos do SUS em hospitais e unidades de saúde. O período abrange as gestões dos ex-governadores Iberê Ferreira de Souza (PSB), ex-governadora Rosalba Ciarlini (PP) e do atual governador Robinson Faria (PSD). Em 2010, o Estado disponibilizava 6.568 eleitos para pacientes do SUS e, em 2018, o número caiu para 6.103.

Somente em Natal foram fechados 189 eleitos, o que representa 40% das perdas do Estado. A capital chegou a oferecer 2.270 leitos e oito anos depois está com 2.081. No período contabilizado na pesquisa, a capital esteve sob a administração dos ex-prefeitos Micarla de Sousa (PV) e Carlos Eduardo Alves (PDT).

Robinson e Carlos Eduardo são pré-candidatos ao Governo do Estado e estão atrás da senadora Fátima Bezerra, que lidera as pesquisas de intenção de voto até momento.

Ao todo, 22 estados e 18 capitais do país retrocederam em relação à quantidade de leitos disponibilizados pelo SUS e fecharam, ao todo, 34,2 mil leitos para pacientes do SUS.

A pesquisa completa pode ser acessada aqui

 

Artigo anteriorPróximo artigo
Rafael Duarte
Jornalista e autor da biografia "O homem da Feiticeira: A história de Carlos Alexandre"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *