Principal, TRANSPARÊNCIA

RN registra a maior queda na média de mortes por Covid-19 do Nordeste

O Rio Grande do Norte registrou nesta quinta-feira (20) queda de 46% na média móvel de óbitos. O levantamento é feito diariamente pelo G1. O estado é o segundo estado do país com a maior redução no índice epidemiológico. No Nordeste, registrou a primeira colocação pela segunda semana consecutiva. O Brasil registrou estabilidade com redução de 5% nos óbitos.

A média móvel é avaliada em relação à variação diária levando em conta os sete últimos dias num comparativo com a  média das duas semanas anteriores.

O único estado do país que registrou uma queda maior do que o RN foi o Amapá, com 52%. Roraima está com o mesmo percentual de queda do estado potiguar (46%).

Caso o percentual seja de até 15%, o estado é considerado estável. Se for acima de 15% positivos, há um crescimento na média móvel de mortes. Se for acima de 15 pontos negativos, está em queda.

RN registra ocupação de UTI inferior a 50%

De acordo com a plataforma de monitoramento de leitos Regula RN, até às 9h de hoje, a ocupação geral de UTI no Rio Grande do Norte é de 49,1%. A região metropolitana também registrou taxa inferior ao que já estava apresentando nas últimas semanas, atualmente está com 41%. O Oeste potiguar apresenta 61,6% e o Seridó, região que tem apresentado aumento nos casos, está com 61,8%.

São 293 leitos disponíveis entre críticos e clínicos. Há dois pacientes na fila de espera por UTI aguardando a aprovação do prestador.Na última consulta que nossa equipe fez ao sistema, não havia pacientes em espera por leitos clínicos e nem aguardando a aprovação do prestador.

Rio Grande do Norte registrou ocupação inferior a 50%

Dados Epidemiológicos

No estado são 58.667 casos confirmados, 23.030 suspeitos e 2.126 óbitos. Desses, 8 foram registrados nas últimas 24 horas. Além disso, 101.267 casos foram descartados e 34.186 estão recuperados. Os dados são do boletim epidemiológico da Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap).

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo
Allan Almeida
Jornalista potiguar em formação pela UFRN.