TRANSPARÊNCIA

RN tem 11.568 casos confirmados e 487 óbitos por Covid-19; Fila por leito chega a 140 pessoas

O número de casos confirmados de coronavírus no Rio Grande do Norte chegou a 11.568 nesta quarta-feira (10). As mortes pela doença subiram para 487, 28 a mais do que nesta terça (09), das quais apenas cinco ocorreram nas últimas 24h.

A quantidade de casos suspeitos passa dos 23 mil e outras 92 mortes estão em investigação, segundo informações fornecidas pela Secretaria Estadual de Saúde em coletiva.

O sistema de Saúde do Rio Grande do Norte tem 675 pessoas internadas nas redes pública e privada. Dessas, 338 em leitos críticos – UTIS ou Semi-Intensivo. Outras 337 pessoas ocupam leitos clínicos, aqueles destinados a pacientes com casos de menor gravidade.

Segundo a plataforma Regula RN, 140 pessoas estão na fila de espera por leitos, em classificação por prioridade. A plataforma é atualizada a cada cinco minutos pelos hospitais potiguares. Ainda segundo a plataforma, a taxa de ocupação de leitos é de 98,1% na região metropolitana, 94,1% na região oeste e 63% no Seridó.

O Governo do Estado divulgou decreto semana passada propondo o reinício da abertura do comércio no Rio Grande do Norte, a partir de 17 de junho, caso a taxa de ocupação dos leitos não supere 70%. Hoje, apenas a região do Seridó teria condições de flexibilizar a abertura de estabelecimentos comerciais.

Brasil

O Brasil tem 38.701 mortes por coronavírus confirmadas até as 13h desta quarta-feira (10), de acordo com um levantamento feito pelo consórcio de veículos de imprensa a partir de dados das secretarias estaduais de Saúde. Ao todo, o país tem 747.561 casos confirmados.

Após a restrição de acesso aos dados do Ministério da Saúde sobre a covid-19, os veículos G1, O Globo, Extra, O Estado de S.Paulo, Folha de S.Paulo e UOL decidiram formar uma parceria e trabalhar de forma colaborativa para buscar as informações necessárias nos 26 estados e no Distrito Federal.

 

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo
Kamila Tuenia
Jornalista potiguar em formação pela UFRN, repórter e assessora de comunicação.