CIDADANIA

Sem data para vacinação, Ministro da Saúde adia reunião com governadores em uma semana

Estava marcada para esta terça (12) a reunião entre o Ministro da Saúde, Eduardo Pazuello, e os governadores para apresentação de um cronograma de vacinação contra a covid-19. Mas, sem data para começar a imunização no país, a agenda foi cancelada. O anúncio foi feito pelo Governador do Piauí, Wellington Dias (PT), que coordena o Fórum Nacional de Governadores para a covid-19 e também preside o Consórcio Nordeste. A nova reunião foi agendada a terça-feira da semana que vem, dia 19.

Recentemente, a Governadora Fátima Bezerra anunciou que o Rio Grande do Norte já estava com toda a logística pronta para dar início à vacinação com 72 horas da chegada da vacina. Para isso, a Secretaria Estadual de Saúde Pública (Sesap) montou uma logística com câmaras frias e auxílio aos municípios do interior, além da aquisição de seringas e agulhas. O problema, no entanto, é a vacina que ainda não tem data para chegar por aqui.

Em Manaus para acompanhar a preocupante situação da covid-19 no Amazonas, Pazuello chegou a afirmar que a vacinação no Brasil vai começar no “Dia D” e na “hora H”, sem precisar uma data específica. O ministro da Saúde ainda afirmou que todos os estados vão receber a vacina simultaneamente e minimizou o atraso do Brasil para o início da imunização.

Pesquisadores da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) na Amazônia identificaram que há uma nova variante do coronavírus que tem origem no estado do Amazonas. Os cientistas avaliam se a linhagem, que teria origem no Brasil, tem maior poder de transmissão. Manaus enfrenta uma segunda onda de contaminações e internações maior do que a primeira. A Força Aérea Brasileira (FAB) chegou a enviar cilindros de oxigênio para repor os estoques das UTI’S. A capital do Amazonas tem batido recorde de sepultamos diários, foram 150 só nesta última segunda (11).

 

Imagem: reprodução redes sociais
Artigo anteriorPróximo artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *