TRABALHO

Sindicato fecha agências em Natal após bancários testarem positivo para a Covid-19

O Sindicato dos Bancários do Rio Grande do Norte fechou nesta quarta-feira (20) duas agências em Natal, entre elas a unidade da Caixa Econômica Federal, no bairro do Alecrim. A agência do Banco do Brasil da avenida Prudente de Moraes também teve as atividades suspensas. Nos dois casos o motivo foi o mesmo: dois bancários, um em cada unidade, testaram positivo para a Covid-19 e, em razão do contato com os demais funcionários, precisaram ser isolados.

O caso mais delicado é o da Caixa Econômica, que passa a receber um volume bem maior de clientes por conta do pagamento do auxílio financeiro pelo Governo Federal. Os saques do FGTS e seguro-desemprego também estão suspensos.

O Sindicato cobra que os dois Bancos cumpram as recomendações da Organização Mundial de Saúde, que prevê o fechamento do local para desinfecção e o afastamento para isolamento e/ou testagem dos demais trabalhadores.

“O resultado positivo saiu ontem (terça-feira). O Banco isolou o funcionário, mas e os demais que trabalharam com ele doente ? A Caixa tem que higienizar a agência, desinfectar e substituir os funcionários. Pode pegar um bancário de cada uma das agências e trazer para cá, por exemplo. O que não pode é abrir nessas condições. Os bancos são dos poucos setores que continua lucrando durante a pandemia, nem assim colocam a saúde de seus funcionários e clientes como prioridade”, disse o diretor de Comunicação do Sindicato Marcos Tinôco.

No caso da Caixa,  Tinôco conta que o Banco já tinha reduzido o número de funcionários na agência para aproximadamente 40% do efetivo. O restante vinha trabalhando de casa, especialmente funcionários acima de 65 anos e suspeitos de estarem infectados. E destacou que, apesar da pressão dos gerentes, a orientação é para que os trabalhadores se concentrem apenas no atendimento ao público:

– Não tem que vender produto, não tem que abrir conta nem bater meta. É para atender ao povo. Essa é nossa orientação, mas a gente sabe da pressão de alguns chefes”, comentou.

Sobre a parcela da população que precisa receber a segunda parcela do auxílio financeiro em razão da pandemia, o sindicalista afirmou que as demais agências seguem abertas, além de casas lotéricas.

– Quem recebeu a primeira parcela já saiu com uma senha de seis dígitos. Pode procurar qualquer agência ou até casas lotéricas. Pode ir em qualquer outra agência. E se a agência atender as recomendações abre amanhã, caso contrário vamos fechar de novo”, disse.

Caixa confirma contaminação, anuncia higienização e diz que reabre quinta com equipe reduzida

A Caixa Econômica Federal se pronunciou oficialmente sobre o fechamento da agência do Alecrim pelo Sindicato dos Bancários. O Banco admite a contaminação de um funcionário e diz que afastou os trabalhadores que tiveram contato com o empregado contaminado. Leia a nota na íntegra:

A Caixa informa que a agência Alecrim, em natal, permanecerá fechada nesta quarta-feira em Natal/RN para higienização completa do local após ter sido detectado um caso de COVID-19. As pessoas que tiveram contato direto com o empregado foram afastadas e retornarão após cinco dias, caso não apresentem sintomas. A unidade retornará amanhã com a equipe reduzida. A medida reforça as ações para a segurança de todos os clientes, colaboradores e parceiros da Caixa no contexto da pandemia da Covid-19. A Caixa orienta seus clientes a acessarem os serviços do banco por meio dos canais digitais e de telesserviço. Além de acesso à movimentação bancária através da internet e celular, a Caixa reforçou o atendimento em canais remotos

 

Artigo anteriorPróximo artigo
Rafael Duarte
Jornalista e autor da biografia "O homem da Feiticeira: A história de Carlos Alexandre"

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *