CIDADANIA

Uma nova chance: Internos do sistema prisional do Rio Grande do Norte farão curso de formação profissional

No ano de 2020, 34 internos do sistema prisional do Rio Grande do Norte foram matriculados em cursos à distância. Dez presos de Nova Cruz estão inscritos nos cursos de Programador de Sistemas, Programador Web, Assistente Administrativo e Assistente de Secretaria Escolar. Os cursos são oferecidos pela UFRN através da Escola Agrícola de Jundiaí (EAJ) e pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN), como parte do programa Novos Caminhos do Ministério da Educação (MEC), a partir de editais públicos acessíveis a qualquer cidadão. As aulas serão realizadas pela modalidade de Ensino à Distância (EAD) em uma sala equipada pela Secretaria da Administração Penitenciária (SEAP) na própria unidade prisional.

Outros 14 internos de diferentes unidades prisionais foram matriculados recentemente. Seis internas do Complexo Penal João Chaves Feminino, em Natal, quatro internos da Cadeia Pública de Caraúbas e dois da Penitenciária Estadual do Seridó, em Caicó. Todos eles farão o curso Produção Comercial de Peixes (Piscicultura). Também foram aprovados para o mesmo programa, dois internos da Penitenciária Estadual do Seridó para os cursos Programador de Sistemas e Programador Web, pelo IFRN.

Outros dez internos do sistema prisional, custodiados em Mossoró e Caicó, também estão matriculados no Curso Superior de Tecnologia em Gestão Ambiental. As aulas serão realizadas nas salas de aula dentro das unidades prisionais, através de uma plataforma digital da própria instituição responsável por ofertar os cursos e são acompanhadas por policiais penais.

Artigo anteriorPróximo artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *