CIDADANIA

Único helicóptero da polícia do RN sobrevoa ato pró-Bolsonaro “por acaso”

Anúncios

O Potiguar 01, único helicóptero da Secretaria Estadual de Segurança Pública (Sesed), marcou presença nos céus de Natal durante o ato pró-Bolsonaro do domingo (30) no cruzamento das avenidas Bernardo Vieira com Salgado Filho, em Lagoa Nova. De acordo com a Secretaria do Governo, o voo fazia parte do roteiro de um curso para agentes de segurança.

No sábado (29), o mesmo lugar foi palco de um evento ainda maior, o #elenão, convocado pelo grupo Mulheres Unidas contra Bolsonaro, mas não recebeu a mesma atenção da polícia, que optou por não divulgar efetivo usado no patrulhamento, nem estimou número de participantes nos dois dias de protestos.

A Sesed informou que está realizando o 2º Curso de Operações Aéreas (COA) e durante o percurso previsto para o domingo a equipe se deparou com a mobilização nas imediações do Midway Mall, bem como com uma carreata da candidata ao governo pelo PT, Fátima Bezerra, na avenida Engenheiro Roberto Freire, em Capim Macio.

A Secretaria cedeu vídeo do momento em que o Potiguar 01 passou pelo ato:

Anúncios

 

“O objetivo central da decolagem da aeronave era realizar o patrulhamento de acordo com o script do curso que os agentes estão realizando. Como no momento estavam sendo realizadas as mobilizações, a aeronave cumpriu seu dever e sobrevoou as duas naquele momento”, informou a assessoria de imprensa do órgão.

Carreata de Fátima Bezerra no domingo (30). Imagem cedida pela Sesed.

O 2º Curso de Operações Aéreas (COA) começou na sexta-feira (28) e deve se prolongar por até 60 dias. É voltado para 20 agentes de segurança da Polícia Militar, Polícia Civil e Corpo de Bombeiros que ao final estarão aptos a servirem no Centro Integrado de Operações Aéreas (CEIOPAER). “Técnicas de patrulhamento aéreo na caatinga, resgates, e incursões” é uma das disciplinas ministradas.

Voto do governador

O atual governador e candidato a reeleição, Robinson Faria (PSD) declarou em entrevista na semana passada que é simpatizante de Jair Bolsonaro (PSL) e deve votar nele apesar de o seu partido fazer parte da coligação “Para unir o Brasil”, que defende Geraldo Alckmin (PSDB).

 

Anúncios
Artigo anteriorPróximo artigo
Isabela Santos
Isabela Santos é jornalista e repórter da agência Saiba Mais

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *