+ Notícias

Vacinação de população em situação de rua começa no dia 29 de março em todo Rio Grande do Norte

A imunização contra a covid-19 da população em situação de rua do Rio Grande do Norte será iniciada no dia 29 de março. A decisão foi tomada em conjunto pela Secretaria de Estado de Saúde Pública (Sesap), juntamente ao Conselho de Secretarias Municipais de Saúde do RN (COSEMS). Até então, estava prevista para a primeira fase de vacinação os idosos institucionalizados; trabalhadores da saúde (atendido parcialmente), populações indígenas (atendido parcialmente), pessoas com 75 anos ou mais acamados, pessoas com 90 anos ou mais, com 85 a 89 anos, aquelas entre 80 e 84 anos; Pessoas com 75 a 79 anos.

O acréscimo da população em situação de rua entre os grupos prioritários só foi possível com a mudança na orientação do Ministério da Saúde, que determinou a aplicação de todas as doses recebidas pelos estados, sem a reserva da 2ª dose, como foi feito inicialmente. Agora, a determinação é de fazer uma reserva técnica de apenas 5% das doses encaminhadas. Serão, justamente, essas doses que já estavam armazenadas que serão aplicadas para imunizar a população em situação de rua.

“É uma grande conquista porque sabemos que pelo Plano Nacional de Imunização estaríamos em 16º lugar dos grupos prioritários”, comemora Vanilson Torres, coordenador nacional do Movimento Nacional da População em Situação de Rua no Rio Grande do Norte (MNPR-RN).

Não há um censo oficial no Estado nem nos município que revele a quantidade de pessoas em situação de rua no Rio Grande do Norte. Para alcançar uma estimativa, a Sesap levou em consideração o Cadastro Único e espera vacinar aproximadamente 1.600 pessoas do segmento.

De acordo com Vanilson, o processo de luta para garantir a vacinação da população em situação de rua começou em janeiro, com a chegada das primeiras doses ao estado.

Dialogamos com a Sesap para que entendessem todas as questões relacionadas a essas pessoas, da falta de uma primeira proteção contra o vírus pelo fato de estarem nas ruas e não terem uma casa para morar. Ficou acertado que iriam criar um plano emergencial de saúde da população de rua, dialogar com consultórios de rua e municípios para pegar os dados sobre essas pessoas. Com a ajuda de Shimene Dias e equipe, conseguimos ser colocados no cronograma de vacinação”, detalha Vanilson.

Novas doses

O Rio Grande do Norte recebeu mais 66,1 mil novas doses de vacinas contra covid-19 na tarde desta sexta-feira (26).  São 48,2 mil doses da CoronaVac e 17,9 mil unidades da AstraZeneca. A carga entregue à Secretaria de Estado da Saúde Pública (Sesap) será distribuída aos municípios a partir deste sábado (27).

Os municípios vão receber 62.820 doses, sendo 45.790 da CoronaVac e 17.030 da AstraZeneca. O restante das vacinas irão para a reserva técnica, conforme orientação do Ministério da Saúde. A orientação da Sesap é de que as vacinas atendam população quilombola, encerrem a imunização da população entre 70 e 74 anos e inicie o processo de vacinação dos idosos entre 65 e 69 anos. Com esse carregamento, o RN passa a contar com 536.640 doses de imunizantes contra a Covid-19.

Foto: cedida Sesap

 

 

 

Clique para ajudar a Agência Saiba Mais Clique para ajudar a Agência Saiba Mais
Artigo anteriorPróximo artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *